22
mar
09

Adendos | Em busca dos leitores perdidos

Matéria: Em busca dos leitores perdidos
Equipe ALT – Textos e fotos: Anderson Antikievicz Costa

1. Textos e fotos extras

Estudantes leitores

Igor A. Zonta recomenda Gabriel Garcia Marquez

Igor A. Zonta, fã de Gabriel Garcia Marquez

Everton Almeida Silva recomenda Quincas Borba

Everton A. Silva recomenda Quincas Borba

Alguns estudantes leram os clássicos por causa do vestibular e pegaram gosto pelas livros. Um deles é Igor Augusto Zonta, que depois de um ano do Curso de História, partiu para a Educação Física. “Tenho vindo diariamente a biblioteca, tanto por estudo, livros técnicos e tal, quanto por prazer, por gostar de literatura”. O gosto pelo teatro e o trabalho de ator impulsionam também na busca por novos títulos. “Passo, pelo menos, meia hora, mas não é raro eu ficar uma tarde inteira”. A frequencia de leitura ainda não é a que ele gostaria, mas é a que o tempo permite, cerca de dois livros por mês. Dos dez livros essenciais leu apenas Memórias Póstumas, conhece a história de Dom Casmurro e nunca ouviu falar de O Quinze, de Raquel de Queiros, e de Noites na Taverna, de Alvarez de Azevedo. Mas garante que lerá esses livros e ainda indica um: Dez contos peregrinos, de Gabriel Garcia Marques, que estava lendo quando foi abordado pela reportagem. “Conhece aquele filme Amor nos tempos do cólera? É inspirado em um livro dele, de mesmo nome. Tanto o livro, quanto o filme, são muito bons”.

Outro que tomou gosto pelos livros é o estudante Everton Almeida Silva, que anseia por entrar no curso de Medicina. Dos dez indicados leu quatro: Memórias Póstumas, Dom Casmurro, Ateneu e Escrava Isaura. “Ah, por causa do vestibular, mas acabei gostando e sempre que posso eu leio. As pessoas parecem ter problemas como o tipo da escrita dos livros brasileiros um pouco antigos, mas eu gosto”. Entre os preferidos estão Quincas Bórba e Ateneu.

Sobre livros verdadeiramente proibidos

A Igreja Católica até hoje tem o poder de censurar obras que não estejam ao contento da doutrina. O filme A Última Tentação de Cristo, 1988, dirigido por Martin Scorsese, por exemplo, até hoje é proibido no Chile. Entretanto, até 1966, com o então o Papa Paulo IV, era publicado o Index Librorum Prohibitorum, o Índice (ou Lista) dos Livros Proibidos.

O objetivo de tal Index era reagir contra o avanço do protestantismo, impedir a ‘contaminação’ dos países ainda ‘livres’ dos pensamentos reformistas de Lutero, das teologias desenvolvidas no século XVI na Europa Ocidental. E nesse documento listou-se os livros e até alguns dos novos testamentos da bíblia, cujos conteúdos ou interpretações, de alguma forma, se opunham a doutrina teológica cristã. E ainda havia o ‘encorajamento’ para que os autores não escrevessem livros que os fiéis pudessem ter dificuldades de entender.  Hoje você pode comprar o Index na Amazon.com por 80 dólares, ou acessar o fác-simile gratuitamente no endereço: http://www.aloha.net/~mikesch/ILP-1559.htm. Ver tabela 3.

2. Tabelas

Tab. 1 - Os 10 livros essenciais pesquisados nos sebos de Cascavel e no site da Estante VirtualTab. 2 - Livros selecionados do filme Fahrenheit 451 e pesquisados nas principais bibliotecas de CascavelTab. 3 - Alguns livros da lista de proibidos da Igreja Católica

Anúncios

0 Responses to “Adendos | Em busca dos leitores perdidos”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Feed do ALT

Twitter

Pub


Outra Pauta


Firefox 3





%d blogueiros gostam disto: